Panini lança Homem de Ferro com histórias de 2020

Homem de Ferro 2020 – O Homem do Ano (formato 17 x 29 cm, 304 páginas, capa dura), reunindo diversas destas aventuras.

A origem de Arno Stark, o Homem de Ferro do outrora futuro alternativo de 2020. Histórias clássicas que contam a carreira desse caçador de recompensas de um futuro que se tornou presente, com participação especial do Homem-Aranha e dos robóticos Homem-Máquina e Devastador. Clique e saiba mais

Panini lança o último volume da coleção Biblioteca Don Rosa

Biblioteca Don Rosa – Volume 10 – Tio Patinhas e Pato Donald – Uma carta de casa, da Panini Comics, conclui as mais de duas décadas de histórias da Familia Pato


Os Cavaleiros Templários medievais eram um exército monástico e possuíam um considerável tesouro – cujos guardiões oficiais pertenciam ao Clã Mac Patinhas. Agora, Tio Patinhas volta a seu castelo ancestral, na Escócia, para saber se o tesouro perdido dos Templários está escondido lá. Mas, por que sua irmã Matilda quer impedi-lo? Clique e saiba mais

Sky Masters da Força Espacial, de Jack Kirby, lançamento da Pipoca & Nanquim

Sky Masters da Força Espacial (formato widescreen , 412 páginas, capa dura), de Dave e Dick Wood, Jack Kirby e Wally Wood

Produzidas entre 1958 e 1961, antes de Kirby e juntar a Stan Lee para criarem vários super-heróis da Marvel.
A obra narra as aventuras do major Sky Masters e sua equipe de intrépidos astronautas durante a frenética corrida espacial da guerra fria, quando a rivalidade entre os Estados Clique e saiba mais

Universo Marvel 2099 – encadernado da Panini

A Panini publicará o encadernado 2099 – Volume 1 (formato 17 x 26 cm, 136 páginas, capa cartonada)

O roteiro é de Nick Spencer, Karla Pacheco, Gerry Duggan, Zac Thompson e Lonnie Nadler, e artes de Viktor Bogdanović, Steven Cummings, Roge Antonio e Matt Horak.
As histórias fazem parte de um projeto que a editora norte-americana publicou em 2019 Clique e saiba mais

A alma que caiu do corpo, obra de André Toral pela editora Veneta

A alma que caiu do corpo (formato 17 x 24 cm, 104 páginas, capa dura), de André Toral.

Na forma de quadrinhos, André Toral traça um painel sobre o contato, quase sempre violento, entre brancos e indígenas ao longo da história do Brasil, desde o século 16 até os dias atuais, e resgata as soluções de sobrevivência encontradas pelos povos originários. Clique e saiba mais