Turma da Mônica 50 anos: Parte 3

Confira a terceira parte e conheça os pais dos personagens e outros fatos curiosos

Turma da Mônica 50 anos: Parte 3

 

Pais da Magali

Mãe da Magali

Dona Lina - Mãe da Magali

Dona Lina – Mãe da Magali. Adora cozinhar e vive mimando sua filha, embora reprove seu apetite exagerado.
É dona de casa, como todas as outras mães, e adora cozinhar, além de mimar sua filha Magali, embora reprove seu apetite exagerado. Em algumas histórias, tenta distrair sua filha para que não coma muito.

Seu Carlito - Trabalha fora. É alérgico a pelos de gato, por isso não gosta muito do Mingau.

Seu Carlito - Trabalha fora. É alérgico a pelos de gato, por isso não gosta muito do Mingau.

Pais da Mônica

Dona Luisa - A mãe da Mônica

Dona Luisa - A mãe da Mônica

Seu Sousa - O pai, apesar da clara referência ao próprio autor, `não` é o Mauricio. Trabalha em um escritório.

Seu Sousa - O pai, apesar da clara referência ao próprio autor, `não` é o Mauricio. Trabalha em um escritório.

Pais do Cebolinha

Dona Cebola - Mãe do Cebolinha e da Maria Cebolinha

Dona Cebola - Mãe do Cebolinha e da Maria Cebolinha

Uma típica dona-de-casa e muito carinhosa com os filhos e o marido. Casou-se com o seu cebola que igual ao Cebolinha dava nós em seu elefante de pelúcia. Cebolinha não sabia disso e descobriu na história “tal pai tal filho” em que aparece a família toda. que amarrava a tromba do seu elefante de pelúcia. Já foi bailarina na escola com 6 anos. Ela é a única das mães que tem problema com o peso e, em algumas histórias, acaba colocando toda a família num regime.

Seu Cebola - Pai do Cebolinha e de Maria Cebolinha

Seu Cebola - Pai do Cebolinha e de Maria Cebolinha

Seu Cebola é um dos personagens menos explorados da Turma da Mônica. É muito divertido e atrapalhado tentando competir com Seu Antenor Araújo, o pai do Cascão, e o Seu Xavier, pai do Xaveco. Há suspeitas que o seu nome de batismo seja Lúcio da Silva.

Pais do Cascão

Dona Lurdinha - Mãe do Cascão. Passa o dia limpando a casa e tentando convencer o filho a tomar banho. Torce pelo Palmeiras.

Dona Lurdinha - Mãe do Cascão. Passa o dia limpando a casa e tentando convencer o filho a tomar banho. Torce pelo Palmeiras.

Seu Antenor Araújo - Pai do Cascão. É o mais desastrado dos pais, apesar das boas intenções. Está sempre se quebrando.

Seu Antenor Araújo - Pai do Cascão. É o mais desastrado dos pais, apesar das boas intenções. Está sempre se quebrando.

Maurício de Sousa cria família baiana para a Turma da Mônica

Maurício de Sousa cria família baiana para a Turma da Mônica

Maurício de Sousa foi homenageado com o título de cidadão soteropolitano na Câmara de Vereadores, neste ano de 2012. Durante a homenagem , que aconteceu em Salvador, o autor da Turma da Mônica, anunciou que a história ganhará cinco novos personagens. Pai, mãe e três filhos da Bahia vão conviver com os tradicionais personagens Mônica, Cebolinha, Cascão e sua turma.
Segundo o cartunista, os personagens ainda não foram batizados e não há previsão de quando eles vão compor os quadrinhos. Na história, o pai será produtor de eventos e a mãe um veterinária. Um dos irmãos gosta de música clássica, o outro de axé e ritmos baianos, e a menina, que será uma das melhores amigas de Mônica, vai tocar berimbau e lutar capoeira.

ANIMAIS E BICHiNHOS EM TURMA DA MÔNICA

Bidu - Cãozinho de estimação do Franjinha

Bidu - Cãozinho de estimação do Franjinha

Acompanha as aventuras da Turminha como um cãozinho fiel. Mas de vez em quando tem suas próprias histórias, onde fala com objetos e outros animais.
“Nasceu” em 1959, juntamente com o Franjinha, nas páginas da Folha de São Paulo. E como foi o primeiro personagem de sucesso do Mauricio, até hoje é o símbolo da Mauricio de Sousa Produções. Como vemos, o Mauricio também se mantém fiel a ele.

Chovinista - Porquinho do Cascão

Chovinista - Porquinho do Cascão

É o porquinho do Cascão… quero dizer, é o bichinho de estimação do Cascão. Divertido, esperto e carinhoso, nunca deixa seu dono na mão. Às vezes até salva o Cascão de algum apuro, como um banho acidental ou uma situação que tenha água no meio.
Mas ao contrário de seu dono, Chovinista não se importa muito em tomar banho, o que deixa o Cascão decepcionado de vez em quando.

Floquinho - Cão do Cebolinha

Floquinho - Cão do Cebolinha

Como a origem do Floquinho, o cãozinho do Cebolinha que, no começo, nem era dele. Tinha vindo do sítio de um primo para passar uma temporada na cidade. E pelo jeito foi ficando, ficando … e ficou.
Resultando num personagem diferente, engraçado, desconcertante.

Mingau - Gato da Magali

Mingau - Gato da Magali

O Gatinho da Magali é uma graça. Mimoso como a dona. Embora não tenha o mesmo apetite.
Inteligente, esperto, participa ativamente da vida da casa, da família, com sua graça e elegância. Todos o adoram. Menos o pai da Magali, coitado. Pudera: ele tem alergia a pêlos de gato.
Nas histórias em quadrinhos, o Mingau se comporta exatamente como um bichano doméstico. Daí seu encanto.

Monicão - Cachorrinho da Mônica

Monicão - Cachorrinho da Mônica

Este cachorrinho baixinho, gorducho e dentuço não é a cara da dona ?Quem é a dona ?! A Mônica, claro !
O Monicão foi um presente do Cebolinha e do Cascão para a Mônica.Bem, a intenção deles era fazer uma gozação com a cara dela, mas não deu muito certo porque a Mônica e o Monicão se dão superbem e “ai” de quem mexer com eles.

Sansão - Coelhinho de pelúcia azul da Mônica

Sansão - Coelhinho de pelúcia azul da Mônica

Criado em 1963, sua primeira aparição foi junto com sua dona, na tira do Cebolinha (nº 18) do jornal “Folha de São Paulo”.
Ao criar o Sansão, Mauricio inspirou-se no verdadeiro coelho de pano, que a própria Mônica, sua filha, arrastava pela casa quando tinha 2 anos. Na realidade, era amarelo, recheado de palha, grandão e pesado. Dele não sobrou quase nada.
O segundo Sansão veio quando Mônica, aos 7 anos, apresentou-se com seu pai – Mauricio de Sousa – num programa de TV, e foi presenteada com um coelho de pelúcia azul, que ela guarda até hoje.
No início, o Sansão dos quadrinhos não tinha nome, o qual foi escolhido em 1983, através da sugestão de uma menina de 2 anos, chamada Roberta Carpi, de Ribeirão Preto.
A primeira história em que o Sansão apareceu com seu nome definitivo foi intitulada “Tum Dum Tum Dum Tum Dum”, na revista “Mônica” nº 161, em setembro de 1983.

TURMA DA CÔNICA

Turma da Cônica foi criada pelo Capitão Feio como parte de um plano de trocar a Turma original por essa. A turma apareceu pela primeira e única vez em Mônica nº 110, e contava com os seguintes personagens:

Cônica

Cônica

Cônica usa vestido preto e sandália, possui laço na cabeça e briga o tempo todo com o Salsinha, estimulando, como ela diz, a violência. Ela foi a primeira a aparecer na história.

Salsinha

Salsinha

Salsinha, diferente de Cebolinha, não troca os “erres” pelos “eles”. Ele fala como mostrado na imagem, com o R absurdamente carregado.Támbem é careca como o Cebolinha,Só que Salsinha tem 6 fios de cabelo enquanto Cebolinha tem 5 fios de cabelo.

Magaleta & Barrão

Magaleta & Barrão

Magaleta, assim como Magali,é gulosa, porém tem a capacidade de comer arbustos, árvores e tudo que for verde. Já Barrão é sujo como Cascão, só que além de não tomar banho, suja tudo à sua volta.

Capitão Feio

Capitão Feio

É o Capitão Feio disfarçado, quando aparece diz que seu talento foi apagado pelo do “primo”, e assim, resolveu criar personagens ultra-modernos (explicados acima),que poluem, brigam e sujam, ele tem esperanças de que assim,pode dominar o mundo com seus personagens, porém quando Maurício chega e fala que não possui primo Silva é revelada a falcatrua do Capitão Feio.

Curiosidades

• Mônica achou que a “Cônica” fosse mais um plano infalível do Cebolinha, sendo que ele só aparece no último quadrinho da história, com o Cascão.
• Todos os personagens dessa turma, são os Homenzinhos de Lama do Capitão Feio disfarçados.
• Bugu, entrou nessa turma só pra aparecer na história, dizendo até “Alô, Mamãe!”, depois, indo embora dizendo antes pra Mônica e pro Maurício que só entrou pra aparecer, como dito antes, e após isso veio o “Tchau,Mamãe!”, dando um chute em si mesmo.
• Salsinha pode ser o irmão do Cebolinha

1 Comentário Turma da Mônica 50 anos: Parte 3

  1. Ânonimo

    legal e divertido queria que o mauricio ficese mais personagens diferentes como esses,é legal ter personagens novos e divertidos e que chamam muito a atenção do publico adorrooo…!!! as historias do mauricio pelas historias e a criatividade que ele poem nas historias parabens! mauricio

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


seis × = 42

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>