Editora Salamandra lança novas adaptações em quadrinhos

Títulos são histórias baseadas na tradição oral africana

A primeira carta
A Editora Salamandra lançou mais dois clássicos da literatura mundial infantil em versões adaptadas para os quadrinhos.
Os títulos foram originalmente criados pelo escritor e jornalista inglês Rudyard Kipling, e são histórias baseadas na tradição oral africana.
Kipling é autor de títulos como The Jungle Book e The Second Jungle Book, cujo protagonista é Mogli, o menino-lobo, e que deram origem ao desenho animado homônimo.
Em A primeira carta (formato 22,5 x 22,5 cm, 48 páginas), as palavras ainda não existiam no tempo das cavernas e o desenho era a forma com que as pessoas tentavam se comunicar por meio da escrita. Mas se as coisas não ficavam tão claras assim, muita confusão poderia acontecer.
A pequena Taffy tenta, por meio de seus desenhos e muitos gritos, pedir a seu novo amigo, Estrangeiro, que a ajude na busca de um arpão em sua casa. Mas a diferente interpretação dos rabiscos da garota leva o pobre Estrangeiro a um caminho cheio de aventuras.
O filhote de elefante (formato 22,5 x 22,5 cm, 48 páginas) parte da pergunta: por que será que os elefantes têm uma tromba tão grande?
A insaciável curiosidade de um elefantinho é motivo de muito aborrecimento entre os outros animais à sua volta. Até que um crocodilo mostra ao pequeno animal as consequências de pôr o nariz onde não é chamado.
As adaptações são de autoria de Yann Dégruel e traduzidas por Luciano Machado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *