Bryan Hitch deixa a Marvel após dez anos

Desenhista de Os Supremos não revela para onde vai

Brian Hitch
O desenhista Bryan Hitch revelou, via Twitter, que vai parar de trabalhar com a Marvel Comics após dez anos. Ele vinha fazendo contagem regressiva para o término de seu contrato, também via Twitter, desde o início de dezembro – o contrato acabou em 3 de janeiro, quando o desenhista deve revelar seu novo projeto.
Hitch já trabalhava para a Marvel nos anos 90, mas começou a fazer sucesso no final daquela década com The Authority, na Wildstorm. Depois de uma passagem pela DC desenhando a Liga da Justiça, o artista foi contratado como exclusivo da Marvel em 2001 para, junto ao roteirista Mark Millar, criar Os Supremos, série que foi lentamente desenhada por ele ao longo de sete anos.

Conhecido pela meticulosidade e, portanto, atrasos constantes, Hitch só fez mais dois trabalhos de nota na Marvel durante a década: uma passagem de menos de um ano, novamente com Millar, em Quarteto Fantástico e a minissérie Captain America: Reborn. Ele vinha trabalhando com o roteirista Brian Michael Bendis em uma grande saga Marvel envolvendo o vilão Ultron, que ganhou preview no especial Point One, mas não tem previsão para ser publicada – nem informações se já está toda produzida.
Sem perder tempo, Hitch já está envolvido em outro projeto, dessa vez ao lado do apresentador de TV britânico Jonathan Ross, intitulado America’s Got Powers, conforme anunciado pelos dois. (www.twitlonger.com )
Na nova minissérie, publicada pela Image Comics durante a primavera no hemisfério norte, nós conhecemos a história de Tommy, um adoslecente nascido em São Franscisco, que trabalha vendendo produtos publicitários no estádio que abriga o America’s Got Powers, um reality show que recruta novos membros para um time de superheróis. Há 18 anos atrás, todas as grávidas da cidade deram à luz ao mesmo tempo e todas as crianças sobreviveram e ganharam super-poderes. Todas exceto Tommy. Agora o garoto acaba dentro do programa, sem poderes, e vai descobrir tudo sobre a grande conspiração por trás de todos esses poderes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *