Criador do Esquadrão Suicida moderno retorna em especial da DC

Ele foi responsável pela encarnação da série entre 1987 e 1992

suicide-square
A DC Comics publica um especial do Esquadrão Suicida que marca a volta à HQ de John Ostrander, roteirista que criou Amanda Waller e é o responsável pela encarnação da série entre 1987 e 1992 que estabeleceu a equipe como ela ficou conhecida no cinema (com Rick Flag à frente do grupo com Pistoleiro, Capitão Bumerangue e companhia).
Ostrander escreve o especial Suicide Squad Special: War Crimes, que tem desenhos de Gus Vasquez e Carlos Rodriguez.
Na trama, um político dos EUA é sequestrado nas ruas de Manhattan e levado a Haia, na Holanda, para ser julgado por crimes de guerra. Como o governo americano é incapaz de resgatá-lo pelas vias oficiais, o que causaria um incidente diplomático, o Esquadrão entra em cena para tentar buscá-lo.
“Quando eu propus o Esquadrão pela primeira vez, parecia uma ideia radical que a América usasse vilões para operações especiais em nome dos supostos melhores interesses da América”, relembra Ostrander ao Newsarama. “E no meio tempo em que a ideia foi proposta e publicada, o Caso Irã-Contras estourou [em que os EUA vendiam armas ao Irã e financiavam rebeldes anticomunistas da Nicarágua], e a realidade de novo fez parecer que a gente [na DC] era café pequeno. Acho que um dos atrativos do Esquadrão junto ao público é que parece bem mundo real mesmo.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


8 + sete =