Valiant muda de casa no Brasil e expande seus títulos em 2017

Os quadrinhos da Valiant Entertainment começaram a ser publicados no Brasil em 2013, pela HQM Editora com a revista X-O Manowar.

Além do personagem título, apresentou histórias de Harbinger, Bloodshot, Archer & Armstrong e Shadowman, e saiu regularmente até janeiro de 2015, quando chegou no número 11.
Durante esse período, a editora lançou um segundo título, chamado Universo Valiant, focado em Bloodshot, Harbinger, a saga Harbinger Wars e suas repercussões. Mas também sofreu uma parada ao alcançar o número seis. Poucos meses depois, foi confirmado os cancelamentos de ambas.
A HQM chegou a lançar, entre 2014 e 2015, um encadernado de Harbinger e dois de X-O Manowar, compilando aventuras que haviam saído nas revistas mensais. O plano era continuar com a linha neste formato.
Simultaneamente, ainda em 2015, a HQM revelou a intenção de lançar as edições finais com os desfechos dos arcos que haviam ficado em aberto. O hiato das publicações durou um ano e meio, até que, em agosto de 2016, a editora confirmou as edições X-O Manowar # 12 e Universo Valiant # 7.
Ainda assim, elas não foram lançadas naquele momento.
Neste ínterim de pausas e incertezas, foi feito um anúncio envolvendo a Valiant na CCXP – Comic Con Experience, em dezembro de 2016. O Social Comics (plataforma de streaming de quadrinhos) divulgou uma parceria com a editora norte-americana, para trazer todos os super-heróis dela para o Brasil, em formato digital. Além disso, a Jambô Editora publicaria os materiais em edições impressas.
A revelação foi acompanhada por um vídeo de executivos da Valiant falando sobre o projeto. Mais de 60 edições foram disponibilizadas imediatamente.
A HQM continuava em silêncio sobre o assunto até que, em janeiro de 2017, lançou as já mencionadas X-O Manowar # 12 e Universo Valiant # 7.
Sem tocar no assunto, a editora se limitou a declarar, em suas redes sociais: “qualquer rumo que for dado, informaremos oficialmente aqui. Pedimos encarecidamente que não deem ouvidos a especulações não oficiais”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


sete − 1 =