Três novas revistas mutantes anunciadas para maio

A Marvel Comics anunciou que lançará em maio três novos títulos estrelados por mutantes.

Jean Grey, dos X-Men, ganhará seu título solo em maio. Os enredos serão de Dennis Hopeless, com arte de Victor Ibanez. Jean Grey # 1 terá capas de David Yardin, Shawn Crystal, Leonard Kirk, Marguerite Sauvage, Stephanie Hans e até Dave Cockrum, apesar de o artista ter falecido em 2006.
A revista é estrelada pela versão juvenil da heroína, que fez sua estreia na fase de Brian Bendis e Stuart Immonen em All-New X-Men # 1. Jean tentará a todo custo evitar a possessão pela Força Fênix, para escapar do destino de sua versão adulta.
Generation X é um titulo que está fazendo um retorno. Essa nova versão da revista terá texto de Christina Strain, arte do brasileiro Amilcar Pinna e capas de Terry Dodson, Kevin Wada, John Tyler Christophe, Leonard Kirk, Rahzzah e Bryan Hitch.
Nessa série, a escola de mutantes se chama Xavier Institute for Mutant Education and Outreach e quem está no comando é Jubileu. Ao contrário de muitos de seus antecessores no cargo, ela sabe que nem todos os mutantes estão interessados em lutar contra ameaças e querem apenas sobreviver de maneira pacífica. Mas como é possível sobreviver num mundo que odeia os mutantes?
A Geração X da série original surgiu durante a saga da Falange e do vírus tecnorgânico, em Uncanny X-Men # 318, em 1994. O grupo era originalmente formado por Jubileu, Derme, Escalpo, Blink, M, Sincro, Câmara, Suplício, Gaia e Mondo. Eles ganharam sua própria revista, Generation X # 1, em novembro de 1994.
Outro personagem que está de volta numa revista solo é Cable. A grande novidade é que a série terá enredo de James Robinson, escritor responsável por boas fases em revistas como Starman, Superman, Justice Society of America e WildC.A.T.s.
Cable # 1 terá arte de Carlos Pacheco, com capas de Dale Keown, Adam Kubert, Billy Martin, Whilce Portacio, Leonard Kirk, John Tyler Christopher e Mike Choi.
Desta vez a missão do personagem será evitar que a história da humanidade seja destruída, e para isso ele passará boa parte de suas aventuras viajando pelo tempo e enfrentando as mais diversas ameaças.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


1 × um =